quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Depois de algum tempo você aprende que banheiro Público não tem diferença

Banheiro Cemitério Jesuíta


Depois de algum tempo, você aprende a diferença, a sutil diferença, entre de usar o banheiro agachada e sentada. E você aprende que não é porque você gosta de manter as coisas limpas que os outros também serão assim. E começa a aprender que lugares como o cemitério Jesuíta não estão se importando muito em manter um banheiro limpo, ou com um odor menos desagradável possível. Então começamos a aceitar suas condições degradantes já que ao está ali, pelo menos conseguimos pisar no chão, com a graça de um adulto e com a tristeza de uma criança apertada ao extremo.

E aprende a construir todas as suas formas de usar um banheiro em condições como esta, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os banheiros, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão. Depois de um tempo você aprende que nem sempre terá água para dar descarga e talvez lavar as mãos, como ocorreu neste dia. E aprende que não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam... E aceita que precisa está com água na bolsa para poder ao menos lavar as mãos. Aprende que falar sobre isso pode aliviar dores emocionais causadas por simples banheiro.

Descobre que se levam tempos para construir um banheiro e apenas segundos para sujá-lo, e que você pode fazer coisas em um instante das quais se arrependerá pelo resto da vida, como urinar para fora do vaso. Aprende que verdadeiros banheiros continuam a crescer mesmo a longas distâncias. E o que importa não é conseguir se aliviar, mas como fazemos isso. E que bons banheiros são aqueles que nos permitiram relaxar. Aprende que não temos que mudar de banheiros se compreendemos que eles mudam, percebe que seu melhor banheiro e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos.
.
Aprende que o banheiro do Jesuíta tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas do que com quantos banheiros limpos já usou. Aprende que há mais sujeiras, urinas e papel no chão do que você supunha. 

Aprende que quando está apertado tem o direito de estar apertado, mas isso não te dá o direito de fazer nas calças. Aprende que nem sempre é suficiente passar um paninho, algumas vezes você percebe que o banheiro já está condenado.

Portanto... limpe seu banheiro e o perfume de bons odores, ao invés de esperar que alguém limpe por você e se torne como este banheiro acima. E você aprende que realmente pode suportar... que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais segurar a vontade de ir ao banheiro. E que realmente este banheiro do cemitério Jesuíta tem que ser mais cuidado e que você tem que cuidar ao usar este banheiro!
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário