quarta-feira, 22 de março de 2017

RESENHA - PELO RALO poesias que se foram - ÍTALO ANDERSON



SINOPSE

Um livro de poemas, de histórias escondidas em seus versos, um livro de amor entre a escrita e a leitura, o autor e o leitor, a vida e a alegria. Em tom jocoso, Ítalo Anderson convida - nos a um passeio por nós mesmos, para explorarmos nossos amores antigos e recentes, viagens, dúvidas, receios, o vira ser. Metalinguisticamente, propõe a palavra à palavra, jogando, brincando, questionando, refletindo, atualizando conceitos. Jovem, de espírito livre e centrado, o autor repassa seu universo literário, artístico, como um espelho, a refletir o que pensa e sente. Tudo isso provoca no leitor sorrisos, vontade de ir e vir, ficar, amar e estar solitário. Dá uma coisa de ir com o livro Pelo ralo passear por aí, caminhar numa bela tarde, curtir boa companhia e, sobretudo, boa leitura.


RESENHA

Antes de iniciar minha excitável resenha, quero agradecer ao poeta ÍTALO ANDERSON, pelo presente. Nas palavras dele, esperava que eu apreciasse, posso dizer que meu crânio estava vazio, minha alma procurava poesias, e a escrita haverá sabido, que esta obra era tudo que eu queria...

Enfim, fins e afins...
O livro é curto e denso de emoções. A leitura acaba rápida, e a sensação de já acabou existe... talvez essa seja a minha percepção das poesias que se foram e não voltam mais...
Um livro que tem poesias das diversas facetas do ser humano, ela abre o amor e rasga a dor, uma obra de lembranças e muita memória vivida.
Suas poesias me surpreenderam, como um rio profundo. Suas palavras tem fogo e queima nossa alma. Uma poesia fina, rica e pobre. Uma metamorfose da vida e suas evoluções e involuções. Existe muito sentimento no livro Pelo Ralo, um sentimento de um ser, de vários e do mundo, um universo cósmico brilha de alegrias por tudo que consta nas páginas do livro.
Quem me indagar, vale a pena ler....?
Eu direi...
Muitíssimo.
São poesias da carne, da medula, da essência de um poeta. Vale muito a pena.
Abaixo uma poesia que me tocou:

CHATIMENTOS

Os caminhos
As chegadas

As noites
Madrugadas

As letras
As canções

Meus erros
Tuas Punições

Encontre o autor

Onde comprar
http://www.ciadoslivros.com.br/pelo-ralo-poesias-que-se-foram-737284-p612853





Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário